O que aprendi de “Fotografando meu Primeiro Casamento da Temporada”
11 maio 2015

O que aprendi de “Fotografando meu Primeiro Casamento da Temporada”

4 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 3 Pin It Share 1 Google+ 0 4 Flares ×

Os dias curtos e noites longas do inverno tem finalmente se findou e a primavera está em pleno andamento. Para muitos fotógrafos, isto significa uma única coisa: Temporada de Casamentos. Enquanto a temporada de casamento é ótima, isso também pode ser fisicamente e mentalmente exaustivo. Eu recentemente fotografei meu primeiro casamento de temporada e quero compartilhar algumas dicas tão bem quanto coisas eu faria diferente na próxima vez para ajudá-lo a planejar a frente e se preparar para qualquer evento que você tenha chegando.

Fique atualizado

Diga NÃO ao SPAM

1 – Equipamento

Eu sou um grande acreditador em se virar com o equipamento que você tem, mas quando se trata de fotografar casamento, realmente ajuda ter equipamentos sólidos. Eu fotografei somente com uma Nikon D7000 por bastante tempo até recentemente, quando eu me atualizei para a D750.  Ser capaz de fotografar em baixa luz e manter a velocidade do obturador alta é essencial quando se trata de casamento. Enquanto eu também trago um estrobo e vários Flashes, é tranquilizador você poder aumentar o ISO e ainda fazer uso de luzes disponíveis para fotografar. Tão quanto as lentes que eu possuo, I trago uma 50mm 1.8, uma 35mm 1.8, e uma 11-16mm (ao qual eu mantinha montado em minha D7000).

What I Learned From Shooting My First Wedding of the Season 2

2 – Não tenha medo de locar

Tendo apenas atualizado o corpo da minha câmera, I eu não tinha $ 2.396,95 em meu orçamento para a lente Nikon 70-200mm f/2.8 VR II. Eu tinha, entretanto, $ 99,00 para locar a lente por seis dias da LensRentals.com. Tendo uma rápida teleobjetiva é absolutamente maravilhoso quando se trata de casamento, e valeu a pena cada centavo para mim locar esta lente. Eu acho que gastar um pouco de dinheiro extra para dar aos seus clientes um produto um pouco melhor pode apenas beneficiar você. Sim, talvez leve um pouco do meu lucro, mas o produto supera o custo. Eu tenho tantas fotografias espontâneas que eu não teria de outra forma se não tivesse locado esta lente. Eu não tenho dúvidas que estas fotos irão se pagar e meus $99.00 de investimento de locação me trarão mais casamentos no futuro.

3 – Planejamento para o Vento

Isto não se aplicará para todo, mas se você está fotografando externo com qualquer tipo de iluminador externo, você irá querer pensar um pouco respeito. A última coisa que você precisa é um guarda-chuva pegar um vento e voar com seu equipamento por aí. Se você trouxer um segundo fotógrafo, você pode pedir para que este segure o iluminador ou colocar o pé no pedestal que o está segurando. Entretanto, nem todos nós levamos um segundo fotógrafo ou precisamos deles para eventos específicos. Levando um pouco de corda ou um pequeno saco de areia pode salvar seu equipamento e ajudar você a manter seu equipamento firme e robusto sob condições ventosas.

4 – Andamento

Esteja preparado para se movimentar.  Parece que eu sempre esqueço o quanto movimentado o ambiente de casamento é. Todo casamento é diferente, mas em minha experiência o tempo é crucial. Mesmo se eu estiver abastecido da listagem de fotografia ou programação do evento, as coisas raramente vão de acordo com os planos. Entre estar preparado, cumprimento de amigos, e emoções, a noiva e o noivo estão sempre ocupados. Eu nunca pareço conseguir tanto tempo quanto eu gostaria, então é muito importante que você esteja pronto para se movimentar todo tempo e fazer o máximo de cada segundo que você tenha com a noiva e o noivo.

5 – Traga Cartões de memórias extra

Em minha experiência, você nunca tem cartões de memória suficiente. Você nunca saberá quando algo possa dar errado, e mesmo que você não os use não é como se eles tomassem um espaço extra. A maioria dos profissionais de DLSR’s da classe tem a habilidade de levar dois cartões SD. Eu sempre utilizo o segundo cartão como uma cópia do primeiro e fotografo até que ambos estejam cheios. Quando eles estão cheios eu os guardo em um local seguro até que eu possa descarrega-los em meu computador.

6 – Divirta-se

Dentre os meses de preparação e da atual fotografia, casamentos podem ser estressantes. Se lembre o porquê você iniciou em primeiro lugar. É um ótimo sentimento fornecer aos clientes incríveis fotos de seu dia mais que especial. O dinheiro pode ser bom, você pode ser criativo com o seu trabalho, e melhor de tudo é que você consegue utilizar uma câmera! Quando o estresse chegar a você, tome um minuto para lembrar de se divertir.

What I Learned From Shooting My First Wedding of the Season 3

Enquanto fotografia de casamento pode ser demorado e estressante, capturar a emoção de alguém e a atmosfera do grande dia deles é realmente uma experiência recompensadora. Com a cabeça aberta e alguma experiência, casamentos são uma ótima forma de ganhar a vida como fotógrafo. Se você está considerando fotografar um casamento pela primeira vez, não tenha medo. Eu não estou dizendo que você tem de levar isso tão numa boa assim, faça sua pesquisa e se assegure que está propriamente preparado para o evento. Quando o evento chegar, vá em frente confiante, você precisará. Se tiver alguma dúvida, fique à vontade para perguntar. Se você é um fotógrafo de casamentos experiente, fique à vontade em compartilhar qualquer outra dica ou conselho adicional abaixo.

 

Por Michael Brown em Fstoppers


James Grenfell
James Grenfell

Fotógrafo, filmaker, colorista e também diretor de fotografia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
4 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 3 Pin It Share 1 Google+ 0 4 Flares ×